André Lucas projeta fase de mata-matas na Série D: "Muda tudo"

Classificado em primeiro lugar do grupo 8 da Série D, agora o Caxias vira sua chave dentro do campeonato, que inicia sua fase eliminatória. A partir do próximo final de semana, o Caxias inicia a série de dois jogos contra o Oeste. A liderança na chave garantiu que, pelo menos na segunda fase, o grená disputará o segundo jogo nos seus domínios.

"Foi importante (a primeira posição). No início da competição a gente tinha feito um pacto de terminar entre os dois primeiros. Agora, com essa vitória importante, conseguimos o resultado positivo e fomos coroados com a primeira colocação do grupo. (...) A gente vem de um grupo forte, muito difícil. Agora muda tudo. Entra na fase de mata-mata, que a gente não pode errar, que qualquer erro pode ser fatal", afirmou o goleiro André Lucas, em entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira, antes da reapresentação do Caxias depois da vitória sobre o Azuriz.

A vantagem de decidir a vaga às oitavas de final no Centenário acontece pela primeira vez desde que o campeonato passou a ter grupos de oito times em 2020. "Nos outros anos a gente não teve uma campanha igual a essa de agora. A gente tem que saber aproveitar isso a nosso favor, o segundo jogo na nossa casa aqui, onde a gente vem impondo o nosso ritmo, conseguindo os resultados", disse o goleiro.

Jogar os duelos decisivos ao lado da torcida, na visão de André, pode ser um fator diferencial para alcançar o acesso à Série C neste ano, uma vez que a campanha geral é o critério para a definição dos mandos de campo.

"Vale ressaltar o apoio da nossa torcida, que vem crescendo junto conosco. Vem nos apoiando, vem comprando a ideia junto conosco do início ao fim. Espero que continue até o final. Creio que juntos a gente pode chegar ao nosso objetivo", concluiu.

Foto: Vitor Soccol/S.E.R. Caxias

13 visualizações0 comentário