top of page
  • XPlay TV

Banda Larga Fixa: Brasil em alta velocidade

José Felipe Ruppenthal



Em 2023, a velocidade média de acesso à internet via banda larga fixa no Brasil cresceu 31% e já supera a de países como Suécia, Noruega, Coréia do Sul, Finlândia e Alemanha.


No último relatório da Ookla (Speedtest Global Index), o Brasil aparece ocupando a 30º posição no ranking mundial de velocidade de acesso à internet via banda larga fixa:


· Download: 131.94 Mbps

· Upload: 88.74 Mbps


Um cenário bem diferente de janeiro de 2023:


· Download: 100.58 Mbps

· Upload: 73.70 Mbps


A performance média dos 181 países que foram analisados está em 85.31 Mbps de download e 39.14 Mbps de upload.


Isso nos coloca em destaque, a nossa velocidade média de download é quase 55% superior à média mundial.


Apesar disso, ainda estamos na 3ª colocação na América do Sul, perdendo para o Chile (3º geral - 246,39 Mbps) e Uruguai (26º geral - 143,34 Mbps), claro que sem levar em conta os nossos desafios continentais.


Atualmente, o ranking é liderado por Hong Kong (265,17 Mbps), Cingapura (259,11 Mbps) e Chile (246.39 Mbps), respectivamente.


Mas, mesmo assim, seguimos na frente de países considerados de primeiro mundo:


· 33 º - Suécia: 117.16 Mbps

· 34 º - Noruega: 112.97 Mbps

· 35 º - Coreia do Sul: 112.41 Mbps

· 42 º - Finlândia: 100.13 Mbps

· 52 º - Bélgica: 90.93 Mbps

· 54 º - Alemanha: 87,03 Mbps

· 57 º - Inglaterra: 82.80 Mbps

· 63 º - Áustria: 75.97 Mbps

· 74 º - Itália: 66.81 Mbps

· 88º - Austrália: 54.07 Mbps


A evolução, por aqui, é o resultado do trabalho das grandes e pequenas operadoras que estão levando fibra para todos os cantos do Brasil, ajudando a movimentar a transformação e a nova economia digital.




3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page