Caxias do Sul Basquete é superado pelo Bauru fora de casa


Canta marca o experiente Larry Taylor. Foto: Victor Lira/Bauru Basket

Na noite desta quinta-feira (09/12) o Caxias do Sul Basquete teve um grande compromisso frente ao Bauru, no ginásio Panela de Pressão, no interior paulista. O 11º jogo do time caxiense no NBB 21/22, o sexto for a de casa, contra uma equipe de topo de tabela.

No primeiro quarto, o Bauru teve a primeira bola, desperdiçou, o Caxias do Sul Basquete trabalhou muito bem a bola e Pedro fez um belo arremesso de 3 pontos, abrindo o placar. O time caxiense abriu 7 x3, mas o Bauru foi buscar e virou para 17x7, depois de alguns erros no ataque do Caxias. Essa desvantagem de 10 pontos em pouco tempo motivou o primeiro tempo técnico pedido pelo treinador Rodrigo Barbosa. Caxias do Sul Basquete começou bem, mas na sequência veio um apagão…

Na volta pra quadra Canta meteu uma bola de 3 pontos pra tentar fazer o time de Caxias do Sul voltar ao jogo. No entanto, o Bauru estava com muita liberdade e alto aproveitamento nos arremessos de 3 pontos, e também nos arremessos de 2 pontos, favorecendo o time paulista. E assim foi o primeiro quarto, o Bauru fechou em 32x19, jogou e deixou jogar, e teve melhor aproveitamento, um problema para o Caxias do Sul Basquete resolver no restante do jogo.

No segundo período, Cauê meteu 2 pontos primeiro e na sequência o Bauru errou um arremesso de 3 pontos, fazendo o time gaúcho ter chances de diminuir a desvantagem no placar. No entanto, mesmo com o Bauru se dando ao luxo de afrouxar a marcação, o Caxias do Sul Basquete seguiu cometendo alguns erros e o time da casa continuou impondo seu ritmo no ataque, se mantendo a frente no marcador.

Com o armador Alex em grande dia, achando sempre algum companheiro livre para chutes de 3 pontos, o Bauru foi empilhando cestas de 3 pontos, e abrindo larga vantagem no placar. Faltando 6 minutos para o intervalo, o placar marcava 42x25, uma pontuação acima da média no campeonato. E os dois times foram para o intervalo com o placar em 48x33 para o Bauru. Um problemão para o Caxias do Sul Basquete resolver nos vestiários.

No terceiro quarto o Bauru continuou mantendo e até mesmo administrando o ritmo, e errando menos. Os jogadores do Caxias do Sul Basquete se esforçaram, mas os erros limitaram o time a um desempenho abaixo da média da equipe até agora visto no campeonato. O Bauru fechou o período com amplo domínio no placar, 70x52, parcial de 22x19, demonstrando que o Caxias correu atrás, mas o Bauru administrou e ampliou um pouco a vantagem.

O que fazer então no quarto período? O Bauru abriu os trabalhos com 2 pontos, decretando uma vantagem de 20 pontos, a maior desvantagem que a equipe caxiense teve no campeonato para qualquer adversário até então. O time gaúcho reduziu a desvantagem no placar para 15 pontos, dava pra buscar? Nada é impossível, mas é preciso pensar uma bola de cada vez. Faltavam pouco mais de 5 minutos para o fim da partida.

No que o Caxias do Sul Basquete anotou uma parcial de 14x6 faltando 4:52 para terminar, a esperança começou a aparecer, e o alerta do técnico do Bauru acendeu, e um tempo técnico foi pedido pelo time paulista. Placar era de 76x66 para o Bauru, Caxias reduzindo 10 pontos de desvantagem.

Na reta final, o Caxias continuou trabalhando a bola, mas o Bauru só administrou o que já tinha construído nos períodos anteriores e fechou o jogo em 89x81, destacando a parcial de 29x19 para o Caxias do Sul Basquete, mostrando que a equipe em nenhum momento desistiu do jogo e lutou até o final.

Agora a equipe caxiense tem uma semana até o próximo jogo, de volta para casa, no ginásio do Sesi, em Caxias do Sul: duelo gaúcho contra o União Corinthians de Santa Cruz do Sul, na quinta-feira, dia 16, partida começando 20h.

Destaques:

Humberto: 17 pontos e 5 rebotes

Canta: 13 pontos e 8 assistências

Sena: 15 pontos e 2 rebotes

Pedro: 13 pontos

16 visualizações0 comentário