Com mudanças e novidades no elenco, Juventude recebe o América-MG, no Jaconi

A derrota para o Bragantino, na abertura do returno, fez com que o Juventude voltasse para a zona de rebaixamento da Série A do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, a partir das 16h30, o Juventude enfrenta o América-MG, a partir das 16h30, pela 21ª rodada da competição. O time tenta, pela primeira vez na temporada, engrenar duas vitórias seguidas dentro de casa, para isso, precisará vencer um adversário indigesto, em 12 enfrentamento contra o time mineiro, foram apenas duas vitórias, contra quatro empates e seis derrotas.

Precisando dos três pontos, o técnico Umberto Louzer treinou uma formação mais ofensiva, durante a semana, mas as mudanças começam no gol, com o recém-contratado Pegorari assumindo a vaga de César. Na defesa, Louzer voltará a utilizar uma linha de quatro defensores, a novidade será o retorno de Moraes, na vaga de William Matheus. O time não deve iniciar a partida com um primeiro volante de origem, com Marlon, Chico, Óscar Ruiz e Bruno Nazário compondo o meio-campo. No ataque, Vitor Gabriel e Isidro Pitta começam jogando. A provável equipe inicial terá Pegorari; Rodrigo Soares, Thalisson, Paulo Miranda e Moraes; Marlon, Chico, Óscar Ruiz e Bruno Nazário; Vitor Gabriel e Isidro Pitta.

No banco de reservas, mais novidades. Os novos reforços, zagueiros Igor Nogueira e Renato Chaves, e os atacantes Felipe Pires e Vitor Leque ficam como opção. Os desfalques ficam por conta dos zagueiros Rafael Forster e Vitor Mendes, do lateral-direito Paulo Henrique e do volante Anderson Leite.

Em relação ao adversário, o América-MG, do técnico Vagner Mancini, vem de duas vitórias consecutivas na competição, sobre Atlético-GO e Avaí. O coelho ocupa a 13ª colocação com 24 pontos, quatro acima do grupo dos quatro últimos.

foto: Fernando Alves / EC Juventude

53 visualizações0 comentário