Irã e Turquia dominam na luta greco-romana, conquistando seis medalhas cada na Surdolimpíadas


Foto: Jean Michel


Força, agilidade e persistência. Essas são características importantes na luta greco-romana. A modalidade, que é dividida em oito categorias baseadas no peso dos atletas, conheceu seus medalhistas nesta quarta-feira (11/05).


A luta greco-romana tem uma peculiaridade: há duas disputas de terceiro lugar, portanto, dois atletas recebem a medalha de bronze. Os grandes vencedores do dia no Ginásio da UCS foram o Irã, que conquistou seis medalhas, sendo quatro ouros, uma prata e um bronze, e a Turquia, que levou uma medalha de ouro e outras cinco de prata.


A modalidade também protagonizou um dos momentos mais marcantes desta Surdolimpíadas. O português Hugo Passos, que disputou sete edições dos jogos e conquistou medalhas em seis delas, anunciou sua aposentadoria do esporte, levando uma medalha de bronze de Caxias do Sul.


Confira na reportagem de Juan Grings:



20 visualizações0 comentário