Luan se apresenta e fala sobre perspectiva para a Série D: "competir muito"

O Caxias, oficialmente, tem um novo treinador. O clube apresentou, na noite desta segunda-feira, Luan Carlos, seu auxiliar Kinho Forgiarini e o gerente de futebol Filipi Cruz. Em entrevista coletiva concedida à imprensa no Salão Nobre do estádio Centenário, o novo comandante falou sobre sua chegada.

"É um orgulho imenso vestir esta camisa. Um dos critérios que usei para fazer esta escolha é o tamanho deste clube, a tradição do Caxias. (...) O projeto ambicioso do Caxias faz com que a gente abrace a causa e acredite no projeto para levar o Caxias à Série C. (...) A tradição do Caxias nos faz favorito dentro do grupo. A gente tem que entender isso. Claro que isso nos traz uma responsabilidade, mas seria muita incoerência e muita imaturidade da minha parte achar que, ao vestir a camisa do Caxias, a responsabilidade não viria inerente ao processo" disse.

O técnico de 29 anos estava no Camboriú FC, que chegou à final do campeonato catarinense, quando foi derrotado pelo Brusque em dois empates. Luan prometeu montar um time competitivo para a Série D, que começa neste mês:

"Com reforços, trazendo componentes para a gente fechar este elenco, a gente vai competir muito. Talvez a gente não seja o time mais forte, talvez não tenha a melhor comissão técnica, mas eu tenho certeza absoluta de que nós vamos ter o time mais competitivo do campeonato. Este tem que ser o nosso critério de avaliação, esta tem que ser a nossa identidade".

Filipi, por sua vez, falou sobre os reforços. Conforme contou, o clube trará nomes pontuais a partir desta terça-feira. A ideia é ter um elenco de 29 a 30 jogadores, que já conheçam a Série D e que sejam afeitos ao estilo de jogo do novo treinador. O gerente confirmou que o grená negocia com quatro nomes do Camboriú, onde trabalhava com Luan.

A entrevista na íntegra pode ser conferida aqui.
Foto: Vitor Soccol/S.E.R. Caxias
27 visualizações0 comentário