top of page

Quais são os municípios mais "fibrados" no Brasil?


Por José Felipe Ruppenthal



Ainda existe espaço para a fibra na banda larga fixa?


A banda larga fixa no Brasil segue crescendo mês contra mês e conforme os últimos números publicados pela ANATEL já contamos com quase 44 milhões de acessos. A fibra já é dominante, a tecnologia já representa 69,08% de todos os acessos, seguida do Coaxial (20,20%), Metálico (5,96%), Rádio (4,09%) e Satélite (0,68%).


Quando começamos a analisar os dados, encontramos algumas surpresas agradáveis, como o município de Groaíras/CE onde 99,29% de todos os acessos de banda larga fixa usam fibra, incrível.


Segue a lista com os TOP 15 municípios mais “amigos da fibra” (Participação % da fibra nos acessos de BLF):


Tem algo muito interessante nessa lista: 10 dos 15 municípios não são da região sul ou sudeste. Seis (06) são do Nordeste, quatro (04) do Sul, três (03) do Norte, um (01) do Centro-Oeste e um (01) do Sudeste. Hoje a fibra já representa mais de 90% dos acessos em 1.021 municípios, ou seja, em mais de 18% dos municípios brasileiros resta pouquíssimo espaço para ampliar a participação da tecnologia. Acima da média nacional estão 3.094 municípios (Maior que 70%), olhando a tendencia de crescimento, a fibra deve chegar em 90% nos próximos 2 anos.


Existem oportunidades?


Em 721 municípios (Quase 13% do total) a fibra representa menos de 20% do total de acessos de banda larga fixa, e pasmem, em 77 municípios a fibra representa menos de 1% dos acessos. Na faixa do meio, 20 municípios brasileiros concentram 6,2 milhões de acessos e a fibra representa entre 25% e 49,19% dos acessos (E São Paulo/SP não está nessa faixa). O município do Rio de Janeiro conta com 1,7 milhões de acessos e apenas 35,66% são em fibra, em Belo Horizonte/MG (45,03%), em Porto Alegre/RS (46,81%), em Guarulhos/SP (40%), em Barueri/SP (27,94%) etc. Atualmente, São Paulo/SP é o município com a maior quantidade de acessos de banda larga fixa, são cerca de 3,9 milhões e 53,51% são via fibra. De fato, não existe mais um oceano azul como era no passado, mas existem oportunidades que podem ser exploradas com a estratégia correta.



#telecom #broadband #bandalarga #tecnologia

3 visualizações0 comentário
bottom of page