Vereadora propõe que Festa da Uva seja considerada patrimônio imaterial do município

A vereadora e rainha da edição de 2010 da Festa Nacional da Uva, Tatiane Frizzo (PSDB), propôs na sessão da Câmara, desta quinta-feira, que a Festa seja considerada bem de natureza imaterial de Caxias do Sul. O registro é um instrumento legal de preservação, reconhecimento e valorização do patrimônio cultural imaterial do município, além da valorização histórica. O projeto já foi protocolado pela parlamentar e deve entrar em primeira discussão e votação nos próximos dias.

Durante a apresentação do projeto, Tatiane destacou a importância da Festa da Uva: “vemos a nossa cultura sendo construída. A festa necessita sempre de apoio, para que a nossa história siga sendo contada e possamos olhar para o passado e lembrar daqueles que vieram antes de nós”. De acordo com a vereadora, registrar um algo como um bem de natureza imaterial, significa preservar algo que carrega história, identidade e ação de diferentes grupos que compõem a sociedade caxiense.

foto: Ana Paula Rech / Câmara de Vereadores de Caxias do Sul

105 visualizações0 comentário