Juventude constrói boa vantagem no primeiro tempo, mas cede empate para o Coritiba

O Juventude perdeu uma grande oportunidade de respirar na luta contra o rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro. Na manhã deste domingo (10), empatou em 2 a 2 com o Coritiba, no Estádio Couto Pereira, após estar vencendo por 2 a 0. Com o resultado igual, o Papo somou um ponto e é 19º colocado com 12 pontos, a seis de sair do grupo dos quatro últimos.

Mesmo jogando fora de casa, o Juventude foi quem iniciou a partida no ataque, logo aos cinco minutos, Rodrigo Suares cruzou para Ricardo Bueno que cabeceou no travessão, Moraes pegou a sobra e chutou para o goleiro Rafael William espalmar, mas a bola caiu nos pés de Paulo Henrique, que só empurrou para o fundo das redes abrindo o placar.

Aos 34 minutos, as coisas ficaram ainda melhores. Ricardo Bueno recebeu passe dentro da área e ao adiantar a bola foi derrubado pelo zagueiro Henrique, pênalti. Bueno mesmo cobrou, tirou o goleiro da foto e converteu, assim, o Juventude foi ao intervalo com uma vantagem de dois gols sobre o adversário.

No início do segundo tempo, foi o Coritiba que começou assustando, aos oito minutos Igor Paixão lançou da intermediária e Léo Gamalho subiu de cabeça para descontar. Durante boa parte da etapa final, o time da casa fez uma meia pressão no Juventude, com bola alçadas nas áreas, intervenções do goleiro César, mas aos 33 minutos, Igor Paixão tocou Ádrian Martinez que girou a finalizou rasteiro, a bola bateu caprichosamente na trave e entrou.

A partir daí, o Juventude se jogou ao campo ofensivo, com o Coritiba respondendo nos contra-ataques, mas o empate persistiu até o apito final e o Verdão voltará com um ponto para Caxias do Sul. A próxima partida é no domingo que vem, também às 11h, contra o Goiás, no Estádio Alfredo Jaconi.

Foto: Fernando Alves / EC Juventude



30 visualizações0 comentário